sexta-feira, 21 de abril de 2017

Quando eu tiver mais triste

Quando eu tiver mais triste,
Traz-me um pouco de mar,
E se vieres a noite,
 Fica horas a fio,
Com o teu sorriso maroto
A contemplar a lua,
Juntamente comigo,
Me abraça bem forte,
Faz-me sentir as estrelas,
Embriaga-me na madrugada,
Alimenta-me a alma com um pouco de ti

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Sentimento sentido


Eu não te vejo,
Mas sinto-te,
A cada minuto que passa,
Sinto a tua presença sem a ter,
O teu carinho sem me tocares,
As tuas palavras sem te ouvir,
Os teus beijos sem os ver,
O teu coração a bater,
E o meu amor por ti a florir

sábado, 5 de dezembro de 2015

Amanhã

Amanhã,
Abre as janelas dos teus olhos,
Para eu ver teu coração,
Amanhã,
 Quero as minhas assas,
Para puder  voar contigo,
Amanhã,
Ainda te espero no jardim das delícias,
No meio das flores do campo,
Amanhã,
Não quero sentir saudades,
Amanhã,
Quero me envolver, na suave brisa dos teus braços

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Vivo


 Vivo,pois quero viver intensamente,
 Para compartilhar contigo as minhas vontades,
 Para abraçar-te,
 Entregar-te a minha vida,
 Para continuar em cada dia,
 A fazer do nosso amor poesia,
 O amor é o néctar da vida,
 De cada flor o pólen de todas as pétalas,
 E teus beijos,
 São mel na boca

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Ama-me mais uma vez

Ama-me mais uma vez,
Vêm até mim,
Buscar a essência  do amor,
É hora da paixão ardente,
Deixa-me ouvir a tua alma amor,
E os teus beijos,
Que sussurram  em meus ouvidos,
Que invade o meu intimo,
E nesta noite que se finda,
Sinto-te por inteiro,
Amo-te

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Rua dos sonhos


Ontem, passei na rua dos sonhos
No cair da noite
Voando, ao som do vendaval
Sonhei que morri com a tempestade
E renasci, com os teus beijos e abraços
Foi como um grito nascendo na alma
Enlouquecido por amor
Nesta clandestina noite
Fizemos loucuras
Subimos ao firmamento
Até a luz das estrelas
Juntos, vimos o luar
E aquela rua dos sonhos
Onde a cidade dorme
Ao nascer do sol 
Se apagou

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Meu coração se partiu

  A minha sombra,     
 colei na tua sombra,
   noite e dia,
   o meu olhar no teu olhar,
   a minha boca presa à tua,   
  o meu coração nas tuas mãos,
  o espelho da minha alma te pertencia,
  até que um dia partistes,
  a tua sombra fugiu,
 o teu olhar sumiu,
 a tua boca anda presa noutra boca,
 meu coração se partiu

Seguidores